BEPEX

O aço é um dos materiais mais tradicionais usados pela indústria e construção civil. Apresenta uma série de vantagens como alta resistência mecânica e à corrosão, versatilidade, durabilidade, além de ser um elemento decorativo. Existem vários tipos de chapas de aço, indicadas para diferentes fins. 

Continue lendo o post, entenda mais sobre esses tipos, suas finalidades, entre outras informações sobre o tema. Acompanhe!

Chapa grossa

São chapas planas e resistentes, com espessuras que vão de 6,30 a 101,4mm ou 1/4” a 4” polegadas ou mais grossas. São amplamente utilizadas na construção civil e em vários segmentos da indústria. 

Chapa de aço inox

A chapa de aço inox é formada por uma liga de aço e cromo que recebe um tratamento especial na fábrica, tornando-a mais resistente a agentes externos como corrosão. A chapa de aço inox é flexível e maleável, o que facilita sua manipulação. Em relação à chapa de aço regular, apresenta maior durabilidade e resistência mecânica.

Chapa de aço carbono

É um dos tipos de chapas de aço mais comuns. O aço carbono consiste em uma liga de aço, composta de ferro gusa e carbono, o que lhe compreende maior resistência e maleabilidade. É amplamente usada na indústria, construção civil, fabricação de telhas, entre outras finalidades devido à sua durabilidade, além do ótimo custo-benefício. 

Chapa de aço Galvanizado

Essa chapa passa pelo processo de galvanização. Um tratamento moderno que reveste a folha de metal com zinco, o que aumenta sua resistência, sobretudo em ambiente com potencial degradador, como cidades litorâneas devido à ação da maresia. Essa proteção extra protege contra a ação do tempo e potencializa a durabilidade do material. 

Chapa revestida

A chapa revestida é uma chapa de aço que recebe tratamento extra durante sua fabricação. Os revestimentos são utilizados para melhorar a resistência à corrosão, proporcionar uma superfície decorativa, entre outros objetivos. 

Esse revestimento na chapa de base pode apresentar espessura entre 5 e 40% da espessura total do material revestido. O intuito é extrair as propriedades mais interessantes de cada elemento, como condutividade térmica ou elétrica, maior resistência mecânica ou a agentes externos. Os mais comuns são:

  • Estanhação –  É uma camada extra de estanho aplicado por eletrodeposição ou por imersão a quente. É usado principalmente no manuseio e produção de embalagens de alimentos e bebidas devido à sua proteção não tóxica.
  • Revestimento de chumbo – Recebe o revestimento de chumbo, apresentando excelente soldabilidade, o que permite sua aplicação em tanques de gasolina de carros, indústria química, confecção de peças na indústria metalúrgica, entre outras. 
  • Revestimento de alumínio –  Recebe revestimento de alumínio para aumentar sua resistência à corrosão e refletividade ao calor.
  • Fosfatização – O revestimento usado aqui é o fosfato de zinco e o fosfato de ferro, por meio de um processo que utiliza uma solução diluída de ácido fosfórico e outros elementos.
  • Esmaltação porcelânica: Esse revestimento é feito com diferentes tipos de óxidos, por suspensão em água, imersão ou aspersão.

Chapa expandida

A chapa expandida é aquela chapa semelhante a uma tela formada por losangos em seu interior. Essa expansão não deixa emendas e torna a peça mais resistente que outros tipos de tela. É o resultado da expansão de uma chapa lisa de aço carbono, aço galvanizado ou outro tipo de chapa de aço. 

Facilita a passagem de som e luz, além da filtragem de vários materiais. É amplamente empregada na construção civil, indústria, filtragem, decoração entre outros segmentos. 

Chapa perfurada

As chapas perfuradas são chapas metálicas que receberam furos. Geralmente são chapas de aço galvanizado ou aço carbono. Hoje em dia são diferentes desenhos, diâmetros e espessuras. As perfurações na estrutura da chapa são feitas com laser, punções ou jatos de água. 

São amplamente usadas na construção civil para desenvolvimento de pisos, mezaninos, fachadas, entre outros. 

Chapa xadrez

Essa chapa possui relevos em sua superfície que lembram um tabuleiro de xadrez, o que proporciona a essa chapa o atributo antiderrapante. Por isso, é comumente usada em mezaninos, pisos, pisos suspensos, plataformas, pisos de ônibus, entre outras aplicações. 

É produzida de aço, podendo ou não apresentar revestimento. É resistente à ação do tempo, desgaste mecânicos, clima extremo ou uso de agentes químicos. 

Porque escolher a Bepex

A Bepex fabrica chapas desde 1991. Em nosso catálogo estão diferentes tipos de chapas expandidas, perfuradas, brises metálicos, entre outros tipos. Com um parque fabril de 10 km², sua capacidade de produção supera 400 toneladas por mês. 

Trata-se de uma empresa referência em seu campo de ação, que pode auxiliar você e sua empresa nos mais diferentes projetos.
Conheça o portfólio completo da Bepex no site. Solicite um orçamento e um dos nossos consultores entrará em contato para sanar todas as dúvidas.

Postagens Relacionadas

Chapa para portão – modelos e como escolher
Processo de estampagem em chapas metálicas
Fachada com tela metálica – Quais os melhores modelos
Abrir WhatsApp
Atendimento Imediato no WhatsApp
Tire qualquer dúvida ou peça seu orçamento por aqui. Estamos a disposição!